Notícias

Imagem

Instituições sociais recebem mais doações da DS Curitiba

A Fepe recebeu mais cem cestas básicas para distribuir para as famílias dos alunos. Já o Marmita Solidária recebeu alimentos para produção de 700 marmitas 
 
A Delegacia Sindical (DS) de Curitiba do Sindifisco Nacional realizou nesta quinta-feira, 3 de setembro, a entrega de mais cem cestas básicas para a Fundação Ecumênica de Proteção ao Excepcional (Fepe), que atende pessoas com deficiência, e mais 93 quilos de alimentos e descartáveis para o projeto Marmita Solidária, que distribui marmitas para moradores em situação de rua, ambos em Curitiba. As doações fazem parte do compromisso social da DS Curitiba durante a pandemia, auxiliando instituições sociais que auxiliam pessoas em situação de vulnerabilidade.
 
A Fepe, que recebeu a quarta doação da entidade, é uma instituição filantrópica criada em 1959. Com atuação nas áreas de saúde, educação, prevenção e atendimento especializado para pessoas com deficiência intelectual e múltiplas deficiências, os trabalhos presenciais com os alunos durante a pandemia foram suspensos. Porém, a instituição continua precisando de doações, já que os alimentos são distribuídos para as famílias dos alunos. “A DS Curitiba é a nossa maior doadora neste período do coronavírus. Das cerca de 800 cestas arrecadadas, metade são da entidade. Essas doações são muito importantes para nós e para os alunos”, afirma Larissa Gomes, chefe do setor de comunicação da Fepe. As famílias dos cerca de 300 alunos atendidos são de baixa renda, sendo que a alimentação na Fepe muitas vezes era a principal durante o dia. Por isso, a entrega das cestas básicas é importante para amenizar os impactos da doença, sobretudo na área alimentar.
 
O projeto Marmita Solidária, que surgiu em abril deste ano e auxilia moradores em situação de rua durante a pandemia, recebeu a sexta doação da entidade. Os alimentos serão utilizados para produção de 700 marmitas, que são distribuídas em vários pontos da capital paranaense, onde outros projetos sociais não têm atuado. Esta foi a principal motivação para a criação do projeto. “Esses moradores em situação de rua não deixaram de ter fome. Muitas ações eu via que eram feitas apenas durante a semana. Já nos domingos e feriados não ocorriam. Nós viemos para somar neste momento”, conta Lívia Santin, chefe de cozinha e coordenadora do projeto. A meta inicial era de cem refeições por dia, entretanto, durante a semana são mais de mil entregues em diferentes regiões da cidade.
 
As doações realizadas pela DS Curitiba começaram em abril, logo no início da pandemia em Curitiba. Com a impossibilidade de realizar eventos e celebrações, os recursos foram utilizados para realizar ações sociais, buscando projetos que atendessem pessoas em situação de vulnerabilidade social. Neste sentido, também foi disponibilizada a conta bancária da entidade para que os filiados realizassem doações voluntárias, o que contribui para que a atividade continue.
 
A primeira entrega de alimentos foi feita ao Projeto Resgate, que atua principalmente na Vila Pantanal, no bairro Alto Boqueirão, na capital. A região é composta por catadores de recicláveis, diaristas, pedreiros, profissões que foram profundamente afetadas pelas medidas de distanciamento social. O Marmita Solidária foi o segundo projeto a receber doações da entidade, com a entrega de alimentos para produção de marmitas para moradores em situação de rua. A DS Curitiba também doou caixas de leite e café para a aldeia indígena Araça-í, em Piraquara, e cestas básicas para a Fepe.
 
Desde o início da pandemia, a entidade já realizou a doação de cerca de R$ 40 mil. Os filiados aprovaram em Assembleia a continuidade das ações com recursos que seriam destinados para celebrações. As doações voluntárias dos Auditores Fiscais também garantiram a continuidade das entregas até o momento. A DS Curitiba agradece e lembra que a conta bancária continua disponível. Somente com a ajuda dos filiados é que poderemos alcançar cada vez mais pessoas.
 
Saiba todas as doações realizadas até o momento clicando aqui.
 
Conta para depósito
Delegacia Sindical de Curitiba do SINDIFISCO NACIONAL
Banco do Brasil
Agência: 3273-5
Conta corrente: 173.774-0
CNPJ: 03.657.699/0009-02
 
 
          
 
Categorias:

Comente esta notícia

código captcha