Notícias

Imagem

Jurídico Atuante na DS Curitiba expõe as principais ações em andamento

A Delegacia Sindical de Curitiba realizou nesta quinta-feira (08), o evento "Jurídico Atuante", com o objetivo de apresentar e esclarecer as principais ações coletivas em andamento patrocinadas pelo sindicato, e também esclarecer dúvidas, inclusive sobre situações específicas ou pessoais.


Realizado no auditório do Hotel Nikko, na parte da manhã, a Presidente Nadir Ribeiro fez a saudação de abertura e falou da importância deste contato direto entre jurídico e filiados.

 

O Diretor de Estudos Técnicos e Assuntos Jurídicos, Carlos José de Oliveira, abordou o contexto nacional de desmonte de direitos, desde a aprovação da lei do teto que congela os gastos por vinte anos, passando pela reforma trabalhista, terceirização, suspensão de reajustes e pela absurda reforma da previdência em andamento.

 

Destacou que a crescente interferência do poder judiciário na vida nacional e seu ativismo político têm aumentado a importância da atuação jurídica dos sindicatos. "O poder judiciário enfrenta uma crise moral e está duramente questionado em seus privilégios. Temos que lutar cada vez mais por justiça dentro do sistema judiciário”, afirmou o Diretor de Estudos Técnicos e Assuntos Jurídicos.

 

Luiz Henrique Behrens Franca, 2º Vice-presidente, Sebastião Braz Cunha, Diretor de Assuntos Jurídicos da DEN e Rodrigo Cartafina, advogado da DEN, apresentaram o andamento de todas as ações que estão sendo tocadas pela Diretoria Nacional.

 

“Nosso objetivo aqui é trazer as informações das principais ações do Sindifisco Nacional, fazendo a exposição dos principais objetos de ações judiciais em execução e dando espaço para tirar dúvidas”, afirmou o Diretor de Assuntos Jurídicos da DEN.

 

A explanação levou cerca de 1h30, falando das ações da Fenafisco e Unafisco e, inclusive, das últimas decisões, como a questão do não-desconto de dias de greve e a decisão de quarta-feira (07), do Supremo Tribunal Federal suspendendo a decisão do Tribunal de Contas da União que estava suspendendo o pagamento do Bônus de Eficiência aos aposentados.  

 

Foi tratado também sobre a decisão liminar do desconto da greve, que tinha prazo de três meses e deve encerrar na semana que vem. Segundo Carlos José de Oliveira, “o sindicato já busca medidas para estender o prazo, caso se decida pela continuidade da greve”.

Foram abordados também os andamentos das ações dos 28,86%, da GAT, da Gedat, PSS, 3,17% e detalhadas amplamente para todos os presentes. Em seguida, foi aberto espaço para questionamentos e dúvidas.

 

Sobre a ação da manutenção da paridade dos aposentados quanto ao Bônus de Eficiência, a DEN informou que a ação já está pronta, porém, segundo os advogados, se optou por aguardar a regulamentação até o final de fevereiro. Contudo, essa questão pode ser revista em março, caso a regulamentação não seja publicada.  

 

Além de membros e filiados da DS Curitiba, participaram representantes das DS de Ponta Grossa e Joinville.

Andamento da ação dos 28,86% é apresentada aos filiados

 

No período da tarde, a reunião foi direcionada aos filiados que executam a ação dos 28,86% do extinto Sinfispar - PR, para os auditores egressos da Receita Previdenciária. Além dos Diretores e advogados da DEN, participaram também os advogados do escritório Trindade e Arzeno.

 

Foi feita uma exposição sobre os desdobramentos das duas execuções dos 28,86% desde que assumiram o patrocínio das causas, apresentando também as perspectivas da ação para 2018.

 

“Do ponto de vista da DS, a reunião foi bem aproveitada. Foram muitas as perguntas e esclarecimentos feitos. O evento cumpriu o objetivo proposto”, comemora Carlos.

 

Áudio estará disponível para filiados

 

Para todos aqueles que por motivos diversos não puderam estar presentes, todo o áudio do evento foi gravado pela DS Curitiba e estará disponível a todos os filiados interessados.

Veja as fotos dessa notícia

Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem

Comente esta notícia